Saúde dos pulmões como parar de fumar

 Na Saúde Mental Dos Dependentes

É estimado que um dos vícios mais difíceis de largar é do cigarro. Por este motivo autocontrole sobre a sua vontade de fumar é imprescindível, a fim de progressivamente, eliminar a nicotina e, regressivamente, repô-la no sangue até momento derradeiro, no qual a decisão de parar de fumar terá de ser tomada. Até então, já tinha tentado reduzir número de cigarros por dia, mas nunca tinha parado de fumar.

Através de procedimentos dirigidos e controlados, fumante deve suportar momentos passageiros de dificuldades, resultantes da readaptação dos neurônios a quantidades cada vez menores de nicotina no sangue, até a sua eliminação total, quando não fumar mais.

Anos mais tarde, quando já havia esquecido a última tentativa fracassada de parar, já aos vinte e cinco anos aproximadamente, quando também já se falava das possibilidades de contrair doenças, principalmente câncer pelo hábito de fumar, fiz uma nova tentativa.

Médico pode convencer paciente da necessidade de parar de fumar, de fazer exercícios regularmente ou de cumprir uma dieta para melhorar a sua saúde. Eu sabia que tinha que parar de fumar, mas eu tinha medo da minha vida sem tabaco. Inicialmente, uso irregular pode não induzir sintomas de abstinência nos dias que não se consome a nicotina.

A dependência causada pela nicotina, substância da qual cigarro é composto, não pode ser alegada como fator determinante para a impossibilidade de uma pessoa para parar de fumar, pois, pode ser vencida com força de vontade e determinação, como prova disso, as milhares de pessoas que já pararam de fumar.

Assista esse e outros vídeos sobre tabagismo e como deixar vício do cigarro aqui no Youtube, com certeza vai te ajudar muito a iniciar a sua entrada no método definitivo. Por exemplo, em Cuba programa de redução da mortalidade por câncer, reduziu em 18 % a prevalência de fumantes nas comunidades.

Em agosto de 2008 foi divulgado estudo sobre a Mortalidade atribuível ao tabagismo passivo na população brasileira, realizado por pesquisadores do INCA e do Instituto de Estudos de Saúde Coletiva da UFRJ, pelo menos 2.655 não-fumantes morrem a cada ano no Brasil por doenças atribuíveis ao tabagismo passivo.

Em uma revisão na literatura de Sawicki e Rolim (2004), na pesquisa com Graduandos de Enfermagem e sua relação com tabagismo, afirmam que dos 23 fumantes, 18 (78%) pensaram parar de fumar e 5 (21,7%) não expressaram desejo de cessar esse comportamento.

Fumar agora é considerado pela Organização Mundial de Saúde como uma das doenças crônicas generalizadas no mundo, além de ser responsável por gerar número mais elevado de mortes prematuras devido a complicações relacionadas com sistema respiratório e gastrointestinal (vários tipos de cancro,, broncoespasmo, bronquite, tosse perduradera, rouquidão, enfisema pulmonar), além de relacionar a outras doenças tais como diabetes, ataques cardíacos, colesterol, as complicações da pele.

Com dados estatísticos tão graves e por observarmos, como profissionais de saúde, grande número de internações por usuários hipertensos tabagistas, decidimos investigar a incidência de hipertensos fumantes inscritos no programa HiperDia na Unidade Básica de Saúde Nova Brasília no município de Jí-Paraná, bem como as conseqüências do hábito de fumar para sua saúde.

Obviamente que desejo de fumar vai existir, pois a nicotina está no sangue ainda no início do tratamento, mas pelo menos houve uma diminuição neste desejo de fumar, que denominamos de como parar de fumar “craving”. mais importante é que depois de ler este livro, você vai achar muito fácil parar de fumar e não sentirá mais vontade de fumar NUNCA MAIS, como acha fácil ser fumante agora.

Fumante, por exemplo, frequentemente promete a si mesmo, abandonar vício, obeso deseja controlar sua alimentação e sedentário aspira iniciar um programa de atividades físicas. Em relação ao fumo, a epidemia tabágica se deve em grande parte pela indiferença existente do sistema de saúde para enfrentar problema, mesmo porque, hoje em dia, existem formas de tratamento eficazes para tratar a dependência ao tabaco.